Universo na palma da mão


07/06/2007


Entre trancos e barrancos... Trinta!!!!!

Hoje e o grande dia, e quem lembrará desse dia? É triste mais acho que ninguém vai lembrar, e isso não é nenhuma surpresa, e o mais engraçado é que nem mesmo minha mãe lembra (não posso reclamar sobre isso pq eu também nunca lembro o dela), então daqui a alguns dias ela vai me ligar perguntando “você fez aniversário no dia 07?” e eu sarcasticamente digo  “acho que sim”. Se bem que eu nem ligo muito para esse lance de aniversário, mas não é todo dia que se completa trinta anos, estou entrando em mais um capítulo da minha vida sem ninguém para comemorar e sem ter o que comemorar também.

 

Quando eu era criança, eu nunca soube o que queria ser quando crescesse, e hoje depois de crescido, confesso meio envergonhado que ainda não sei, e quando me olho no espelho “pasmem” nem me reconheço às vezes, mais hoje foi diferente, acordei cedo, pra ser exato minha insônia nem me deixou dormir direito, vi o sol nascer e tomei um banho frio pra espantar a cara de zumbi, me barbeei e fiquei olhando meu rosto, nem velho, nem jovem e com alguns fios de cabelos brancos despontando aqui e ali, admito que gosto deles, me dão um charme especial. E pensando um pouco sobre as coisas que fiz até agora, me vem a certeza de que ainda não realizei o meu maior sonho, meu maior desejo reside em uma pessoa que não está ao alcance de minha mão; sentimentalidades? Talvez...

 

A despeito de minhas confusas ilusões sentimentais, tenho muito que aprender, pois da vida muito pouco sei, e ainda trago comigo uma certa inocência infantil. Ainda jogo vídeo game, tenho medo de filmes em preto e branco e de dormir em casas estranhas,  posso passar horas rindo dos desenhos do Pernalonga e do Frangolino, e quando brinco com o meu filho de sete anos é difícil definir quem é a criança de verdade, ainda tenho a vaga impressão de ter visto num certo natal um velhinho de barba branca e comprida andando pela casa, tenho um pavor indescritível de aranhas.

Só que hoje, e a partir de hoje eu tenho trinta anos!!! Porém, não vou mudar muito com isso, ainda vou ser a mesma pessoa, o mesmo homem que se apaixonou por uma menina mais jovem e mais alta, com uma única diferença, vou tentar ser mais austero e quem sabe, menos medroso ...

 

Já dizia aquele moço que virou santo...

“Quando eu era criança, falava como criança, pensava como criança, raciocinava como criança. Agora que me tornei homem, precisei esquecer as coisas de criança.”

                                                                                                                                                             I Carta do Apóstolo Paulo aos Coríntios

 

Decididamente, sou mais uma criança que cresceu e envelheceu rápido demais

 

*************************************

Ouvindo Vilarejo, Marisa Monte

Escrito por Edu, dos corações solitários às 14h30
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Perfil



Meu perfil
BRASIL, Nordeste, Homem, de 26 a 35 anos
MSN -

/p>

/p>

Histórico


AgeMania.com - Venha jogar ON-LINE com mais de 200 pessoas simultaneamente!