Universo na palma da mão


15/09/2008


Amigo agente não encontra em qualquer esquina, amigos precisam ser garimpados, amigos não são aqueles que te desejam bom dia ou que sorriem quando te vêem, é tudo ilusão, esses são aqueles que nos momentos difíceis te viram as costas, a realidade nua e crua é...As pessoas não gostam de vc, elas gostam do seu status ou do que vc pode fazer por elas, já vivi essa situação varias vezes.
Por isso sou um homem de poucos amigos, mais esses poucos estarão comigo pro que der e vier, conquistar minha amizade é tarefa difícil por um motivo, costumo matar e morrer pelos meus amigos e não espero nada diferente em troca, amigos são aqueles que apontam seus defeitos, que brigam e até mesmo dizem coisas difíceis mesmo pq existem certas verdades que não dizemos para qualquer um, mais para um amigo de verdade agente diz mesmo que essas verdades machuquem pra caramba, mais quando tudo parece perdido ele está lá, pra te ouvir, nem sempre ele vai entender mais sempre vai apoiar suas decisões ainda que ele não concorde com elas, é ele quem vai atirar a corda pra vc lá no fundo do poço, é a mão que te ajuda a levantar e mesmo se as cruzes pesarem demais, amigo de verdade as carrega com vc.

Quem tiver amigos assim que preservem essas amizades, elas são raríssimas e valem ouro, perder um amigo é como perder parte de si mesmo é algo insubstituível. Agradeço a Deus pelos poucos amigos que eu tenho, são poucos mais são verdadeiros!

Até a próxima

 

 

 

 

Escrito por Edu Merovíngeo às 17h36
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

04/09/2008


Brilho que não apaga...

 

Das tantas coisas que se passaram em minha vida, um aprendizado ficará gravado para sempre em minha mente, uma verdade prática que aprendi a duras penas, só amor não basta, não em um relacionamento de verdade.

 

Para que um negócio dê certo é preciso assumir riscos, é preciso estar pronto e preparado para os momentos de turbulência, pois de uma coisa pode ter certeza, eles virão e cada vez piores, nos relacionamentos é assim também, muitas vezes precisei abdicar de certas coisas para estar com ela, para ouvir a voz dela, e mesmo estando tão distante poder senti-la ao meu lado, mais eu não quis assumir riscos, no momento mais difícil para nós dois eu me preservei, fui covarde, tive medo de estar errado e do que esse erro poderia representar, não levei em consideração a possibilidade de estar perdendo a mulher da minha vida, e agora vivo corroendo os momentos que poderiam ter sido e não foram, por mais incrível que possa parecer, ainda não aprendi a conviver com isso.

 

 Ontem eu estava vendo um filme chamado “Brilho eterno de uma mente sem lembrança”, e fiquei pensando que se eu pudesse esquecer que um dia a conheci eu estaria vivendo melhor, mais a verdade é que não, esquecê-la seria a pior coisa que eu poderia fazer, esquecer os momentos, tudo que dissemos e até mesmo nossas discussões, acho que eu não conseguiria viver sem essas lembranças, sem saber que ela existe e que eu ainda a amo, nunca vou esquecê-la, não quero esquecê-la, ela faz parte da minha vida e é com isso que eu vou viver até o fim dos meus dias.

 

Talvez eu até tenha me recuperado do vício que sentia por ela, estou aprendendo a amar contidamente...............................................

 

 

Até a próxima.

 

Escrito por Edu Merovíngeo às 17h29
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Perfil



Meu perfil
BRASIL, Nordeste, Homem, de 26 a 35 anos
MSN -

/p>

/p>

Histórico


AgeMania.com - Venha jogar ON-LINE com mais de 200 pessoas simultaneamente!